Cervejarias de Portland

Cascade Brewing Barrel HouseDegustação na Cascade Brewing Barrel House.

Forte desde os anos 1980, o dinâmico cenário das cervejarias artesanais de Portland justifica o apelido da cidade: “Beervana”.

Portland é o lar de cerca de 60 cervejarias, e o número não para de crescer — mais que qualquer outra cidade no planeta. Desde o início da década de 1980, os cervejeiros de Portland têm trabalhado arduamente, explorando o movimento de cervejas artesanais com ingredientes frescos como o lúpulo e a cevada do vale Willamette e a água do rio Bull Run. Juntamente com brewpubs movimentados e um calendário lotado de eventos cervejeiros, suas cervejas inovadoras e saborosas ajudam a cidade a continuar merecendo seu apelido de “Beervana”.

PESOS-PESADOS DO LÚPULO

A agitação cervejeira de Portland começou em 1984, quando a BridgePort Brewing e a Widmer Brothers Brewing abriram suas instalações no que agora é o Pearl District, não muito longe de onde as cervejas Henry Weinhard’s eram feitas nos idos de 1860. Hoje, a BridgePort e a Widmer oferecem passeios e têm bares que servem bandejas de degustação, embora a Widmer tenha mudado sua cervejaria para o norte de Portland, ficando localizada convenientemente ao longo da linha Amarela do VLT MAX.

Junto com a McMenamins, que opera 57 extravagantes brewpubs do lado nordeste (cada um deles único, mas todos unidos por suas saborosas cervejas e localizações históricas), essas empresas ultrapassaram a denominação “microcervejaria” ao produzir mais de 15.000 barris por ano. Mas cada uma continua a criar bebidas brilhantes de dar água na boca, algumas das quais podem ser encontradas apenas localmente.

A SEGUNDA ONDA

Novatos ágeis são sempre bem-vindos à comunidade cervejeira de Portland, e nos anos de 1990, uma série de recém-chegados ajudaram a manter fresco o cenário de cervejas da cidade. Por exemplo, a Lompoc Brewing existe desde 1993 e acrescenta continuamente cervejas, como sua escura e rica Lompoc Special Draft, ao seu repertório, e locais como o Sidebar, uma sala de degustação de atendimento limitado, à sua lista. Em 1994, a Lucky Labrador Brewing Company começou a servir misturas como sua rica e cremosa Black Lab Stout, quando a primeira de suas quatro unidades abriu para o público (e para seus cãezinhos).

Entrou em cena também nos anos 90 a Hair of the Dog, que gerou um culto logo após suas primeiras ofertas, as engarrafadas — e fortes — Adam e Fred. Para o deleite de seus fãs mais antigos, o Hair of the Dog abriu uma sala de degustação no Central Eastside em 2010. As cervejas de unidades limitadas combinam bem com o cardápio de seu pub, que oferece de tudo, desde pratos com queijos a chili.

Laurelwood Brewing abriu em 2001 e tem operado em diversos locais durante os últimos dez anos. É possível encontrar suas cervejas em duas unidades dentro do Aeroporto Internacional de Portland, assim como em seus brewpubs no norte de Portland e em Sellwood. A Laurelwood pode não ser a mais falada das cervejarias locais, mas frequentemente recebe prêmios nacionais e cresceu até se tornar o quinto maior brewpub em volume nos Estados Unidos.

As cervejarias Rogue e Full Sail do Oregon inauguraram unidades em Portland nos anos 90, após terem se instalado em Newport e Hood River, respectivamente. Os acréscimos mais recentes da Rogue incluem unidades no University District e no aeroporto, assim como o salão de cervejas e microcervejaria Green Dragon ao sul de Portland. A cervejaria Deschutes Brewery, baseada em Bend, abriu um brewpub no Pearl District de Portland em 2008.

PINTS FRESCOS

O século XXI trouxe uma nova geração de cervejarias a Portland. Muitas delas têm uma abordagem orientada, concentrando-se em estilos específicos de cerveja ou técnicas cervejeiras, mas pode-se dizer que todas elas prezam por compartilhar sua cerveja acima de tudo.

Enquanto isso, os ciclistas circulam pela ampla seleção de cervejas orgânicas oferecidas pela Hopworks e o novíssimo Hopworks BikeBar. O “brewpub ecológico” tem energia elétrica cem por cento renovável; no BikeBar você pode ajudar a gerar a eletricidade do prédio ao pedalar em duas bicicletas ergométricas. Quando for hora de reabastecer, saboreie uma deliciosa pizza e uma saciante Organic Hub Lager, que recebeu prêmios por todo o mundo.

Parte sala de envelhecimento, parte pub, a Cascade Brewing Barrel House é um empório de cervejas de 660 m2 que se especializa em inconfundíveis cervejas azedas. Todas as terças-feiras às 18h, eles abrem um novo barril, fornecendo o acompanhamento perfeito para sua seleção de carnes defumadas, castanhas, saladas e sanduíches. Seu pátio extenso é um destino favorito nas noites de verão.

Importando o conceito das cervejas no estilo das quintas francesas e belgas, a Upright Brewing é uma pedra preciosa oculta no cenário cervejeiro local. Sua sala de degustação no subsolo tem pouca decoração, mas é impressionante em termos de sabor, com um cardápio sazonal de lotes limitados e pequenos aproveitando até o limite seus ingredientes do noroeste do Pacífico.

Cercado por uma cozinha aberta que libera carnes curadas e charcutaria, a Burnside Brewing serve favoritos sazonais e fixos como a Sweet Heat, uma ale azeda de trigo com sabor de purê de damascos.

A Coalition Brewing tem seu próprio pub do outro lado da rua, onde são servidos pints saborosos como sua Loving Cup Maple Porter. O programa piloto da Coalition também produz periodicamente receitas criadas pela audaz comunidade cervejeira de Portland.

Um ponto de encontro favorito para os residentes do norte de Portland, a Migration Brewing serve comida de pub que combina perfeitamente com suas cervejas artesanais como a Lupulin IPA, uma mistura de lúpulos secos Centennial, Simcoe, Crystal e Cluster com um toque cítrico.

Base Camp Brewing, fundada em 2012, toca em duas paixões locais: cerveja e ar livre. Eles fabricam lagers, incluindo estilos experimentais como a India Pale Lager e uma S’mores Stout, assim como cervejas inspiradas por estilos europeus como a Paulschienbier. As cervejas da Base Camp são engarrafadas no local em garrafas de alumínio, que são perfeitas para manter a cerveja gelada e fresca em caminhadas, passeios de caiaque e outras aventuras.

Iniciada como uma nanocervejaria na garagem do proprietário, Mike Wright, a The Commons Brewery agora opera um sistema de sete barris e serve duas cervejas o ano todo: Urban Farmhouse Ale e a Flemish Kiss, uma híbrida americana-belga — ambas premiadas. Uma visita à sua sala de degustação no Central Eastside, aberta de quinta-feira a domingo, revelará uma seleção rotativa de ofertas limitadas e sazonais como a Brotherly Love, uma oferta do Dia dos Namorados: A ale belga escura e forte da Commons, a Little Brother, envelhecida em barris de bourbon com cerejas azedas do noroeste e grãos de cacau moído tostados pela Woodblock Chocolate de Portland.

A Breakside Brewery adota uma abordagem culinária, concentrando-se em ingredientes locais e sazonais, colaborando com chefs e produtores locais. O resultado? Listas amplas e em constante mudança de variedades de cerveja tanto no local original no nordeste de Portland como na mais ampla casa de cervejas em Milwaukie, a sudeste de Portland. Procure ofertas como a Just the Tip Spruced Wheat, feita com pontas de abeto azul colhidas no local, Aquavit Barrel-Aged Braggot, uma ale de mel envelhecida em barris de Krogstad Aquavit da House Spirits, e a Duck Duck Drunk: criada para o terceiro aniversário da Breakside em 2013, esta porter experimental de chocolate foi infundida com 100 libras de pato da barbaria criados no local.

Ale sem glúten é o único foco na Harvester Brewing, que oferece degustação em sua cervejaria no Central Eastside nas noites de quinta-feira. Castanhas do vale Willamette, tostadas artesanalmente no local, ocupam o lugar dos grãos nas ales da Harvester, que incluem variedades de IPA, pale e escura, assim como ales experimentais incorporando ingredientes locais como framboesas ou abóbora.

×